Como se livrar dos spans

Alguém se importa com a mensagem abaixo? Já recebi spams indecentes em cujo corpo havia coisas que provocariam um ataque fulminante em minha sogra (não, não acho isso bom). Do que estou falando? Leia abaixo:

"This message is intended solely for the use of its addressee and may contain privileged or confidential information. If you are not the addressee you should not distribute, copy or file this message. In this case, please notify the sender and destroy its contents immediately."

Tradução: Esta mensagem é para uso exclusivo de seu destinatário e pode conter informações privilegiadas e confidenciais. Se você não é o destinatário não deve distribuir, copiar ou arquivar a mensagem. Neste caso, por favor, notifique o remetente da mesma e destrua imediatamente a mensagem.

Por último, há na internet uma série de posts e charges que retratam o problema. Veja algumas abaixo:

"A primeira ocorrência de spam data-se de 3 de Maio de 1978. O nome, uma referência a uma cena do programa humorístico britânico Monty Python, em que um grupo estava num restaurante comendo carne enlatada “Spam” e repetia várias vezes aquela palavra, de forma quase enervante."
Fonte Peopleware

O problema é maior em algumas épocas do ano, não é?

Natal é "uuuuóóótimo!"

Há, ainda, um belo tutorial sobre spams. Além de dicas para evitar o recebimento, algumas para identificar o que é ou não uma mensagem propagada em massa (não, não falo em espagueti).
Por último, se quiser bloquear um outro tipo de mensagem inconveniente, aconselho você a visitar o Usuário Compulsivo e conferir a série de postagens sobre como bloquear propagandas.

Postar um comentário

Os comentários deste blog são moderados.